FAB 36º no Ultrail La Covatilla

Fernando Alvez Barrero (AC Portalegre / UTSM) classificou-se em 36º lugar nos 80 Km do Ultrail La Covatilla disputado no sábado (14) gastando 15 h 17 m 02 s no duríssimo e técnico trajecto com um D+ de 4400 m.. Na dura prova participou também José Manuel Guerra que se viu forçado a abandonar aos 56 Km por problemas estomacais.

Deixamos o depoimento do Fernando que diz tudo sobre a prova:

“Fin de semana con carrera en Bejar (Salamanca), Ultra Trail de La Covatilla. Recorrido de 81360 metros y 4.407 metros de desnivel positivo acumulado, con algunos pasos muy técnicos en la subida por el Arroyo Malillo, en torno al km. 28 de carrera, donde siempre me hago la pregunta ¿que necesidad tiene la organización y nosotros de encontrarnos en esas situaciones ? .

Muy montañosos los primeros 30 km. de carrera , después la orografía se “suaviza” un poco, aunque la subida inicial de Hervás (km. 50) a La Garganta (km.60) y, sobre todo, la final del pueblo de Puerto de Bejar (km. 70) a la Peña Negra (km.75) se me hicieron verdaderamente duras.

La prueba es espectacular, con unos parajes preciosos, unas vistas extraordinarias, zonas sombreadas de fastuosos castañares, y unos senderos hermosísimos.

También es preciso decir, que la organización debe mejorar algunos aspectos, los avituallamientos y la señalización.

Con respecto a lo primero debe haber más variedad y más consistencia en los alimentos ofrecidos, son muchas horas.

En relación a la señalización, no asistí al briefing de la prueba, con lo que no puedo decir si la organización había indicado que en mitad del recorrido las cintas cambiaban radicalmente de aspecto, de unas iniciales muy reconocibles, ya que eran blancas con el logo de la carrera, a unas típicas con rayas blancas y rojas. También había tramos donde era muy escasa. Entiendo que los graciosos de turno hacen de las suyas retirando algunas, pero esto se debe prever.

RECORRIDO. Os pongo el de la Organización, mi Suunto lo tiene en memoria, pero no acaba de soltarlo. Seguiré intentándolo.

https://es.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=19513067

http://tracedetrail.fr/en/trace/trace/38723

CLASIFICACIÓN:

http://www.forevent.es/…/con…/19274/ii-ultra-trail-covatilla

MÁS INFORMACIÓN: http://www.ultrail-lacovatilla.es/

https://www.youtube.com/watch?v=wPxm7HCLjtI

https://www.facebook.com/Ultrail-La-Covatilla-893935500704…/

https://candelariopina.com/…/el-candelariense-guillermo-ra…/ “

22467560_10214308019004516_6504375526823244981_o.jpg
O semblante de esforço de FAB diz tudo sobre a dificuldade da prova

Pedro Tavares Maratonista

Pedro Tavares (AC Portalegre / UTSM) classificou-se em 962º entre 4658 finalistas na Rock ‘n’ Roll EDP Maratona de Lisboa disputada ontem (15). Percorreu, em estreia, a distância em 3 h 42 m 13 s engrossando a lista de maratonistas do ACP que já comporta mais de uma dezena de nomes. A prova ficou marcada pela vitória do “nosso” atleta Bruno Paixão (Bac) no Campeonato Nacional, 7º da Geral, com 2 h 26 m 23 s.
Resultados completos.

22522480_1786968714646807_24072556_o.jpg
Pedro e Inês Tavares
22046047_1769775253032820_7365286894348529091_n.jpg
ACP em força na retaguarda dos sucessos do Bruno Paixão. 😉

 

 

12 pódios em Marvão

11 lobos estiveram entre os 96 finalistas do II Trail Castelo de Vide – Marvão centrado na simpática localidade de Santo António das Areias. Destaques para as 2ª e 3ª  posições  de Paula Matos e Almerinda Velez, respectivamente, na corrida feminina, para a vitória da equipa no Trail Longo e para o 3º lugar no Trail Curto. Boas prestações de toda a comitiva que amealharam no total nada menos de 12 presenças no pódio.

Resultados de todos os lobos:

30 Km 2º M45 José Moisés 3 h 35 m 50 s
30 Km 13º 2º M50 João Albuquerque 3 h 53 m 50 s
30 Km 14º 3º M45 Sérgio Carinhas 4 h 19 m 30 s
30 Km 1ª F45 Paula Matos 4 h 22 m 38 s
30 Km 1ª F50 Almerinda Velez 4 h 28 m 43 s
30 Km 1ª F40 Ana Ventura 4 h 57 m 54 s
30 Km 2ª F20 Ana Miranda 4 h 58 m 21 s
18 Km Hugo Sequeira 1 h 44 m 38 s
18 Km 20º 3º M50 Luís Maurício 1 h 52 m 52 s
18 Km 30º 1º M55 José Velez 2 h 04 m 09 s
18 Km 1ª F45 Odete Barbas 2 h 13 m 56 s

Resultados completos.

22448285_966006426891093_1788455988711468369_n.jpg
Meninas do ACP sorriram nos magníficos trilhos do concelho de Marvão (foto de Paula Maurício)
22498861_1600781676635145_4163815734650783044_o.jpg
José Moisés em destaque na prova longa (foto de Joaquim Barbas)

Fotos de Paula Maurício.

Fotos de Joaquim Barbas.

Bruno & Natália foram à Fonte

Bruno Carrilho (AC Portaalegre / UTSM) classificou-se em 52º (entre 96 classificados) na XII Prueba Urbana Ciudad de Fuente del Maestre disputada no sábado (14). Percorreu os 7 Km do percurso em 27 m 32 s. Na prova feminina (4, 5 Km) Natália Alexandre foi 8ª veterana com 27 m 10 s. O calor foi o principal obstáculo que este casal de atletas arronchenses teve que enfrentar.

Resultados completos.

Bruno Carrilho Fuente del Maestre 2017
Bruno Carrilho correu em Fuente del Maestre

Vitorina Mourato 2ª na Badajoz > Elvas

Parece um título de há 20 anos atrás mas é bem actual. Hoje de manhã, sob uma forte canícula de 30ºC, Vitorina Mourato (AC Portalegre / UTSM) conseguiu, além da vitória no seu escalão etário F50, o 2º lugar absoluto entre as 25 concorrentes femininas. Foi a sua 160ª meia-maratona concluída numa longa carreira com mais de 30 anos.

Alinharam na 29ª edição da dura Meia-Maratona Badajoz > Elvas (famosa pelo segmento Subida do Paga Pouco que surge ao Km 15 e se prolonga por 3,1 Km com uma inclinação média de 4%) 11 atletas do ACP que levaram a equipa à 2ª posição colectiva e obtiveram ainda mais 5 pódios (Manuel Ceia 1º M55, Vitorina Mourato 1ª F50, Helena Ceia 2ª F45, Emílio Paulino 3º M55 e Filomena Cordeiro 3ª F45) a par de uma mão cheia de bons resultados para as condições climatéricas em que a prova se disputou.

Nota positiva para a Organização nomeadamente para a célere divulgação dos resultados disponíveis online ainda a entrega de prémios decorria.

Resultados dos lobos:

14º Tiago Valério 1 h 22 m 58 s
26º Francisco Costa 1 h 28 m 26 s
25º 1º M55 Manuel Ceia 1 h 28 m 27 s
37º 3º M55 Emílio Paulino 1 h 32 m 48 s
43º Miguel Serafim 1 h 35 m 44 s
52º Luís Cruz Rodrigues 1 h 38 m 00 s
1ª F50 Vitorina Mourato 1 h 42 m 48 s
77º João Carlos Correia 1 h 43 m 58 s
11ª 2ª F45 Helena Ceia 1 h 56 m 48 s
12ª Rute Ferreira 1 h 58 m 29 s
22ª 3ª F45 Filomena Cordeiro 2 h 16 m 37 s

 

bdj f45

digdig

Mais fotos em breve.

Assembleia Geral aprova tudo

Realizou-se ontem (sexta, 13) à noite, sob a presidência de João Paulo Albuquerque, a Assembleia Geral ordinária do ACP. Nela a Direcção apresentou o Balanço da época desportiva, o Balanço da Organização do UTSM, as Contas e perspectivou-se a época desportiva 2017/2018. Num clima de sã troca de opiniões a assembleia congratulou-se com o desempenho desportivo com centenas de participações um pouco por todo o lado, sendo dado como exemplos FDS como o último em que o clube esteve presente em nada menos que 8 eventos e a continuidade da excelência da equipa de trail running que um ano mais está a lutar pelo pódio no Campeonato Nacional. Palavras especiais também para a significativa participação e filiação nas provas da AADP e para o crescimento significativo da equipa jovem. A Organização do UTSM foi considerada de novo como de planificação e execução exemplares e os associados referiram unanimemente o entusiasmo por dar continuidade ao projecto assim se consigam reunir os apoios, nomeadamente financeiros, necessários. João Carlos Correia, o Presidente da Direcção, apresentou as contas do clube e os movimentos financeiros registados tendo colocado à disposição dos sócios documentos com todos os movimentos bancários registados. A situação financeira do clube é estável e permite avançar com alguma segurança para o lançamento de novos desafios de monta como sejam a organização do 8.º UTSM tendo os sócios ficado conhecedores que a Organização da edição de 2017 atingiu uma despesa de 32.000 €, na qual não estão contabilizadas as ofertas de trabalho e de meios oriundas dos sócios e dos voluntários. Uma gestão criteriosa de recursos tem contudo permitido exercícios económicos com saldos francamente positivos. No debate sobre a época desportiva que se avizinha foram delineadas as orientações globais que vão na linha daquilo que é o modo de funcionamento normal do clube: ambição, bairrismo regional e valores humanos tão importantes quanto os desportivos. É intenção de todos continuar a avançar rumo a um cada vez maior orgulho da população do seu clube de referência no que ao Atletismo respeita, quer seja nos resultados conseguidos, quer seja na excelência da organização do UTSM, quer seja na vertente da organização de eventos informais e financeiramente desinteressados que visam exclusivamente a promoção do exercício físico e desportivo entre a população. Finalizou-se com um apelo para que passe a mensagem de que o ACP não pretende ser um clube elitista e que nele têm lugar todos os corredores da cidade que aliem à paixão pela corrida uma forma exemplar de respeito pelos valores da ética desportiva.

dav
dav
dav
dav

IMG_20171013_212223IMG_20171013_212618

José Silvério 1º em La Codosera

José Silvério “Che” (AC Portalegre / UTSM) venceu a edição inaugural do Cross La Codosera realizado hoje (12, dia nacional de Espanha) na distância de 9, 3 Km que o atleta de Valencia de Alcantara percorreu em 35 m a uma média de 3 m 35 s o Km. No mesmo evento, que classificou 73 concorrentes, Manuel Barroso estreou-se pelo ACP com um excelente 7º lugar da Geral com 37 m 58 s.

Resultados completos.

ACP podio lacodosera
Che venceu no Dia de la Hispanidad

La Codosera InfinityChip Cronometraje Deportivo