Bruno Paixão venceu em Trujillo

Rodrigo, Bruno e Emílio em Trujillo

Bruno Paixão (ACP) venceu hoje mais uma clássica da Extremadura espanhola, o XXIX Cross popular Ciudad de Trujillo, disputado numa distãncia de 10 Km. No mesmo evento Emílio Paulino Esteve também ao seu melhor nível e venceu o escalão M50 entrando nos 15 primeiros da Geral. A participação ACP completou-se com a vitória no escalão júnior de  Rodrigo Crespo.

Resultados dos atletas do ACP:

Bruno Paixão 30 m 39 s

13º Emílio Paulino 36 m 54 s (1º M50)

25º Rodrigo Crespo 40 m 27 s (1º M19)

Resultados completos.

Fotos de Francisco Costa.

FDS 24: Trujillo, Porto de Mós e K42

Aproxima-se mais um FDS de corridas. No que respeita a competições haverá ACP´s em S. António das Pedreiras e em Trujillo e no que respeita a treinos de grupo sobressai o K42 de trail running de domingo. Encontro pelas 8 h junto ao PAC1 do UTSM (Viveiro Florestal) para uma “voltita” que meterá antenas, São Julião e Alegrete. Para preparar os grandes desafios que se aproximam.

Eis a proposta.

http://www.gpsies.com/mapOnly.do?fileId=iowkctlfqurvfbld

Fernando Alvez nos 110 Km D+5100 m do GTP

Fernando Alvez Barrero

Fernando Alvez, o atleta espanhol que fez parte do magnífico grupo que venceu colectivamente o UTSM, vai voltar a um grande desafio já  nos dias 23 e 24 de junho. Conseguiu um dos 300 lugares disponíveis para o III Gran Trail Peñalara, um evento com 110 Km de extensão e um desnível positivo de 5100 m (e outro tanto negativo) para fazer num máximo de 30 horas. A região norte de Madrid será o palco de mais um desafio de alta endurance e a prova decorrerá entre os 1025 m e os 2428 m. O Fernando correu o UTSM em 17 h 15 m 33 s tendo sido o 95º concorrente a cortar a meta. O desafio agora ainda é maior mas o atleta pacense leva a sua preparação a sério e é um dos trail runners que melhor conhece a serra de São Mamede já que realiza aqui, com Narciso Castaño, a maior parte dos seus treinos específicos. Desejamos ao Fernando a melhor sorte e que transporte a camisola negra e vermelha com todo o entusiasmo. Cá viremos depois contar tudo o que acontecer.

Emílio 2º M50 na Pencona

Emílio Paulino (foto CD Jerte)

Mesmo lesionado e a analgésicos para o Emílio compromissos são compromissos e às 3 da madrugada ala que se faz tarde. Lá foi com a sua Maria a caminho de Aldeanueva de la Vera para participar na mais dura corrida da Extremadura espanhola: os 25 K da Pencona, um D+ de 1348 m, partida a 614 m, ida até aos 1482 m de altitude e regresso. O Emílio já colocou no seu face o relato, sempre pitoresco, da participação: “Aldeanueva de la Vera – Mais uma “Pencona” feita! Mui durita mas ultrapassada não bem sei como…ontem à noite não conseguia correr com a virilha esquerda inflamada…mas como estava inscrito e não gosto de faltar, disse à Maria: — Olha vamos passear, depois logo se vê! Assim foi, 2 analgésicos no bucho…comi que nem um lorde, mal aqueci porque me doía a porra da virilha e lá fui no meio do peloton…coisa que eu não gosto.

A partir do 4, 5 km já em plena subida dura e pura a dor foi-se… 

então ala que se faz tarde, liguei o turbo e foi sempre a abrir com 2 quedas no meio, a cara e um joelho maltratado, consegui terminar na 16ª posição da geral e 2º veterano atrás do Perozo, com um tempo de 2:19:32s.” O espanhol Fernando Alvez, que já nos tinha representado no UTSM, voltou à carga de lobo vestido e entrou no primeiro quarto dos concorrentes.

Resultados:

16º Emílio Paulino (ACP) 2 h 19 m 50 s – 2º M50

64º Fernando Alvez (ACP) 2 h 44 m 03 s

Resultados completos.

Convívio anual com vistas para o PAC 2

Festa anual do ACP

O UTSM esteve bem presente no ambiente do 5º Convívio anual da alcateia ACP que ontem decorreu numa propriedade particular em Alegrete. Alegria a rodos de manhã à noite para cerca de 6 dezenas de convivas. Não faltou comida nem bebida que alimentaram e regaram a habitual boa disposição típica do clã ACP. O momento alto da tarde foi de novo a entrega dos “emmys”, uma condecoração não oficial mas que contribui sobremaneira para a animação da tarde. Os felizes contemplados com os valiosos Prémios foram: Atleta masculino – Emílio Paulino, Atleta feminino  – Ângela Mendes, Carreira – Vitorina Mourato, Renascido das cinzas – Vítor Cordeiro, Desaparecido em combate – Diana Correia, Revelação – Francisco Costa, Combatividade – Hélder Melo, Promessa adiada – João Paulo Henriques, Papa léguas – Rui Monteiro, Dirigente – João Carlos Correia. A festa decorreu sob o signo da boa disposição bem patente no “amistoso” Portugal selecção Paulo bento vs Portugal selecção Manuel José, na discoteca anos 80, karaoke, fogo de artifício, pescaria, crono-escalada ao castelo de Alegrete, etc, etc. Não terminaria sem o pré anúncio da data da 2ª edição do UTSM que fica agendada para 18 de maio de 2013. Para o ano haverá mais.

Fotos.

Bruno a 7″ da vitória no Mendro

ACP em Vidigueira 2012 (Foto CA Barreira)

6 lobos conquistaram 4 pódios hoje de manhã na 26ª Escalada do Mendro, prova de 11 Km com características de montanha pontuável para o circuito da FPME. Bruno Paixão lutou pela vitória absoluta que lhe fugiu por apenas 7 s para o credenciado Paulo Gomes. Bruno correu o difícil percurso em 37 m 03 s. Os atletas portalegrenses presentes conseguiram ainda mais 3 pódios (Vítor Cordeiro 2º M45, Emílio Paulino 3º M50 e Rodrigo Crespo 3º M17). Por equipas o ACP foi 4º entre 26 classificadas.

Resultados dos atletas do ACP:

Bruno Paixão (ACP) 37 m 03 s (1º M20)

19º Vítor Cordeiro (ACP) 42 m 20 s (2º M45)

38º Emílio Paulino (ACP) 44 m 42 s (3º M50)

75º Francisco Costa (ACP) 47 m oo s

111º João Leal (ACP) 51 m 09 s

3º M17 – Rodrigo Crespo (ACP) 6 m 45 s em 2, 4 Km

Resultados completos .

FDS 23: Mendro e Pencona

O FDS 23 começa já amanhã, feriado, com a realização na Vidigueira da 26ª Escalada do Mendro, uma corrida de montanha que contará com a presença de 6 lobos: Bruno Paixão, Emílio Paulino, Francisco Costa, João Leal, Rodrigo Crespo e Vítor Cordeiro; no domingo a participação ACP na V Carrera Pencona será afectada pela Festa anual de sábado. Ainda assim  Emílio Paulino e Francisco Alvez marcarão presença na mítica corrida extremenha. Aos lobos que vão suar a amarelinha votos de boa sorte e de muito divertimento. Contem como foi!

Actividades de verão

A partir de amanhã, dia 6 de junho, o espaço disponibilizado pelo Município de Portalegre ao clube para treinos passa a ser o estádio municipal (relvado), estando o estádio dos Assentos encerrado a partir de hoje e até ao reinício da época do futebol. Por este motivo os treinos dos jovens cessam agora devendo os interessados ficar atentos a informações no que concerne à sua eventual reabertura na próxima época. Os atletas juvenis, juniores, seniores e veteranos poderão continuar a sua actividade desportiva no aprazível espaço do municipal relvado, óptimo para a preparação dos grandes desafios que muitos se vão colocar neste verão.