FDS: Abutres, Nisa, Grândola … e Longos

ACP na linha da frente dos Circuitos Nacionais de Trail e Ultra Trail
ACP na linha da frente dos Circuitos Nacionais de Trail e Ultra Trail

Mais uma FDS de grande atividade para a alcateia se aproxima. A prova inaugural do Circuito Nacional de Ultra Trail, a mítica Trilhos dos Abutres, centrados em Miranda do Corvo reunirá largas centenas de concorrentes e, entre eles, uma dezena de lobos. Por cá corre-se em Nisa o Campeonato do Alentejo de Corta-Mato mas com o grosso da equipa virado para a prova nacional seremos poucos os que acudiremos a um evento onde “já fomos felizes”. Porque a alcateia é variada nos interesses, ou seja, por tudo se interessa desde que implique correr, também os rápidos 10 Km de Grândola terão representação do ACP. Tudo se completará com vários atletas a aproveitarem o FDS para treinos Longos específicos para as Maratonas em estrada de Fevereiro e Março que se aproximam e para alguns Ultras Trails que também estão na agenda. Uivemos!

Corta-Mato de Figueira e Barros

Duarte Tavares M15 em Figueira e Barros (foto de Helena Milhinhos)
Duarte Tavares M15 em Figueira e Barros (foto de Helena Milhinhos)

Realizou-se no sábado em Figueira e Barros a 29.ª edição do Corta-Mato daquela freguesia do concelho de Avis, de longe o mais antigo da nossa região. A maior parte dos melhores atletas da região estiveram presentes e entre eles 4 lobos que conseguiram as seguintes posições:

29.º Corta-Mato de Figueira e Barros (24/1/2015):

6000 m

1.º Bruno Paixão (CUA Benaventense) 19 m 01 s

6.º Luís Semedo (AC Portalegre / UTSM) 20 m 48 s

21.º Emílio Paulino (AC Portalegre / UTSM) 22 m 59 s – 1.º M50

61.º Carlos Alfaiate (CB Abrantes) 45 m 34 s

3000 m

1.ª Raquel Trabuco (CEN) 11 m 15 s

4.ª Ana Vintém (AC Portalegre / UTSM) 13 m 04 s – 2.ª F20

1500 m – 4.º M15 – Duarte Tavares (AC Portalegre / UTSM) 5 m 16 s

No Campeonato da AADP, realizado em simultâneo, Luis Semedo e Ana Vintém alcançaram o 2.º lugar em seniores.

Corrida das Linhas de Elvas

Cordeiro a 1' da frente
Cordeiro a 1′ da frente (foto de Barbaris BTT)

Uma semana após a dura participação nos 36 Km do TCVS Vítor Cordeiro alcançou o 4.º lugar nos 7, 5 Km da Corrida das Linhas de Elvas disputada ontem sob condições atmosféricas bastante agrestes. Foi o mais destacado elemento de uma mão-cheia de lobos que marcou presença na cidade raiana num FDS de descanso/treino. Consegui o 2.º lugar em M40 enquanto Catarina Ramalho foi a vencedora júnior e Ana Vintém a 2.ª F20.

Resultados da 32.ª Corrida das Linhas de Elvas – 7, 5 Km – 18/1/2015:

1.º Ricardo Mateus (Sporting) 24 m 43 s

4.º Vítor Cordeiro (AC Portalegre / UTSM) 25 m 50 s – 2.º M40

17.º Emílio Paulino (AC Portalegre / UTSM) 28 m 03 s

61.º Ana Vintém (AC Portalegre / UTSM) 34 m 05 s – 7.ª F – 2.ª F20

69.º Catarina Ramalho (AC Portalegre / UTSM) 34 m 57 s – 9.ª F – 1.ª F19

92.º António Pascoal (AC Portalegre / UTSM) 38 m 39 s

117.º Joaquim Pires (Ind.) 46 m 47 s

Comemoração do 24.º aniversário

O ACP completa o seu 24.º aniversário no final do mês mas a comemoração vai acontecer no dia 7 de Fevereiro. Consta de uma parte pública, aberta à população em geral, e uma parte destinada exclusivamente a sócios/atletas. O programa público consta de uma corrida com cerca de 10 Km pelas ruas da cidade. Pelas 17 h os interessados deverão reunir-se no Jardim da Corredoura, em frente à Câmara Municipal, partindo depois num ritmo muito lento numa corrida social que terminará no mesmo local. A participação é obviamente gratuita e também não é necessária qualquer inscrição. Basta aparecer. Os anfitriões farão as honras com muito ritmo fácil, os gracejos habituais, o são convívio. Passem a palavra. Apareçam.

aniversario24

TCVS: Vitória coletiva, Cordeiro 2.º

ACP venceu na abertura do Circuito Nacional de Trail
ACP venceu na abertura do Circuito Nacional de Trail

Domingo vivemos mais uma jornada fantástica na nossa Serra de São Mamede. Correr “em casa” aumenta sempre os níveis de ansiedade mas a abertura do Circuito Nacional de Trail de 2015 começou para nós com uma vitória coletiva e o 2.º lugar absoluto. Vítor Cordeiro esteve na cabeça da corrida durante 3/4 da prova e só viria a ceder a primazia nos derradeiros Km para um dos melhores atletas nacionais, André Rodrigues. Numa fabulosa manhã primaveril Portalegre viveu mais um grande momento de trail running com a presença de cerca de 800 corredores nas duas distâncias de competição, os 36 Km pontuáveis para o Circuito Nacional e os 20 Km para quem se inicia ou prefere distância menos longas. Os trilhos descobertos e preparados pelo Centro Vicentino da Serra, que organizou pelo 2.º ano o evento, foram unanimemente elogiados pela sua beleza e exigência, pondo à prova a preparação dos participantes. Para além de Vítor Cordeiro tivemos ainda 8 atletas no TOP20 da prova principal (5 masculinos e 3 femininos) e nada menos de 4 vitórias por categoria etária, todas nos 36 Km, para além da mais saborosa das vitórias, a coletiva. Tão importante quanto os resultados de topo foi a larga participação de 33 corredores e a constatação que pegou de estaca a semente das corridas de montanha, primeiro, e do trail running, depois, que com tanto carinho e profissionalismo semeámos na nossa cidade.

Resultados dos 36 Km do Trail Centro Vicentino da Serra (Portalegre, 11-01-2015):

1.º André Rodrigues (Juventude Vidigalense) 3 h 26 m

2.º Vítor Cordeiro (AC Portalegre / UTSM) 3 h 28 m  26 s – 1.º M50

7.º André Trindade (AC Portalegre / UTSM) 3 h 41 m 52 s

10.º Luis Malheiro (AC Portalegre / UTSM) 3 h 44 m 47 s 

12.º Luis Semedo (AC Portalegre / UTSM) 3 h 52 m 04 s

16.º Dino Mafra (AC Portalegre / UTSM) 3 h 53 m 53 s

36.º Roberto Tomé (AC Portalegre / UTSM) 4 h 18 m 24 s

44.º Manuel Ceia (AC Portalegre / UTSM) 4 h 23 m 16 s – 1.º M55

60.º Fernando Alvez Barrero (AC Portalegre / UTSM) 4 h 30 m 01 s

77.º José Serra (AC Portalegre / UTSM) 4 h 42 m 26 s

99.º Francisco Costa (AC Portalegre / UTSM) 4 h 52 m 23 s

107.º Vitorina Mourato (AC Portalegre / UTSM) 4 h 57 m 09 s – 1.ª F50 – 8.ª F

163.º João Albuquerque (AC Portalegre / UTSM) 5 h 22 m 36 s

171.º Sérgio Carinhas (AC Portalegre / UTSM) 5 h 25 m 04 s

186.º Paula Matos (AC Portalegre / UTSM) 5 h 31 m 32 s- 1.ª F45 – 17ª F

192.º João Correia (AC Portalegre / UTSM) 5 h 35 m 57 s

193.º João Farinha (AC Portalegre / UTSM) 5 h 36 m 

195.º Ana Vintém (AC Portalegre / UTSM) 5 h 36 m 52 s – 18.ª F

251.º Hugo Saldanha (AC Portalegre / UTSM) 5 h 59 m 43 s 

319.º Mafalda Moreira (AC Portalegre / UTSM) 6 h 25 m 11 s – 36.ª F

320.º Pedro Figueira (AC Portalegre / UTSM) 6 h 25 m 16 s

388.º Nuno Santos (Sculptors) 7 h 55 m 46 s

Resultados completos.

Centenas de fotos nas nossas páginas sociais.

Resultados dos 20 Km do Trail Centro Vicentino da Serra (Portalegre, 11-01-2015):

1.º Tiago Valério (CCDMP) 1 h 46 m 19 s

94.º Lídia Calado  (AC Portalegre / UTSM) 2 h 41 m 55 s – 9.ª F

132º José Martins (AC Portalegre / UTSM) 2 h 49 m 03 s

133.º Luis Rodrigues (AC Portalegre / UTSM) 2 h 49 m 07 s

171 .º  Helena Ceia (AC Portalegre / UTSM) 2 h 58 m

224.º Nuno Rodrigues (AC Portalegre / UTSM) 3 h 13 m 22 s

231.º  Ângela Mendes (AC Portalegre / UTSM) 3 h 14 m 25 s

264.º  Natália Alexandre (AC Portalegre / UTSM) 3 h 24 m 10 s

276.º  Regina Pinheiro (AC Portalegre / UTSM) 3 h 27 m 13 s

289.º  Rita Boavida (AC Portalegre / UTSM) 3 h 31 m 55 s

308.º  Daniel Madeira (AC Portalegre / UTSM) 3 h 37 m 28 s

384º Raquel Arvelos (Proaventuras) 5 h 43 m 56 s

No sábado, dia 10, Luís Pinto terminou os 47 Km UT Território Centro no 24.º posto dos 72 concorrentes que terminaram com 5 h 42 m.

Domingo voltamos aos trilhos ATRP

Prognósticos só no fim do jogo mas por norma o ACP vai ao pódio
Prognósticos só no fim do jogo mas por norma o ACP vai ao pódio

Tem sido estimulante a nossa presença nos circuitos nacionais da ATRP – Associação de Trail Running de Portugal, entidade que superintende esta modalidade em Portugal, e que desde há dois anos os organiza. No de distâncias até à Maratona (Circuito Nacional de Trail) conseguimos, enquanto equipa, o 3.º lugar em 2013 e o 2.º lugar em 2014. Tudo com prata da casa, isto é, com atletas que nasceram ou residem na nossa região. Um orgulho oferecer a Portalegre uma equipa assim, 100% amadora, mas com um nível de entusiasmo, competência e entrega que catapulta o Alto Alentejo, centrado em Portalegre, para a ribalta do desporto da moda em Portugal. O trail running ou corrida por trilhos é um desporto em que a resistência, a todos os níveis, é sublimada. A base é a corrida ou a progressão à máxima velocidade possível por caminhos naturais em que a presença do alcatrão é restringida ao mínimo. Alguns traçados decorrem por margens ou leitos de cursos de água, veredas pelas vertentes mais íngremes das encostas, a subir e a descer, elevando ao máximo a dificuldade para concluir os eventos. O circuito de trail de 2015, o de distâncias mais curtas – até à Maratona -, inicia-se neste domingo precisamente na nossa serra de São Mamede, 36 fantásticos Km descobertos e preparados com grande profissionalismo pelo Centro Vicentino da Serra e a participação vai ser bem numerosa. Lá estaremos de novo na máxima força, na riqueza da diversidade do nosso clube, desde os “craques” que vão lutar até bem para lá da exaustão pela vitória individual e colectiva, passando pelos “lobos” – como por brincadeira nos apelidamos – mais velhos de carcaça que não de espírito, que apenas querem chegar ao fim. Terceiros de Portugal em 2013, Segundos de Portugal em 2014, com uma equipa altamente motivada em 2015! Comecemos a uivar na nossa Terra!

Atletas do ACP inscritos no TCVS:

Read more

88 atletas competiram 598 vezes em 113 eventos

Em Síntese e com todo o Pormenor o nosso BALANÇO de 2014.
Em Síntese e com todo o Pormenor o nosso BALANÇO de 2014

Estes são os números com que nos apresentamos ao ano de 2015 que ontem começou. São números que testemunham a dimensão de um labor e de uma dedicação contínua sem qualquer desfalecimento. Reportam-se apenas à dimensão “participação em competições”. O ACP é cada vez mais muito mais que só isso. Estes números foram conseguidos por 88 pessoas com rosto em 113 momentos específicos em 79 localidades de Portugal e Espanha. No documento que se segue apresentamos tudo porque todos e tudo igualmente valorizamos. Somos ou não somos lobos, questionamos? Claro que somos lobos. Siga a hiperligação, verifique quem somos e por onde uivamos! Venha 2015.

LISTA DE RESULTADOS DO ACP EM 2014

1 315 h para correr 12 293 Km em 598 participações

Direção para os próximos 2 anos terá 11 membros
2014 em números: 20 vezes Portugal de Norte a Sul

É o primeiro dos balanços de 2014 que trazemos a público. Durante os 365 dias de 2014 os nossos atletas competiram 598 vezes tendo percorrido um total de 12 293 413 m (qualquer coisa como 20 vezes o comprimento de Portugal) durante 1315 h e 42 m (qualquer coisa como 55 dias a competir ininterruptamente) e, sobretudo, mais 36% de “volume de trabalho” que em 2013. Nestas participações conseguiram-se 62 vitórias individuais e a confirmação ACP como um dos mais numerosos e competitivos clubes do trail running e mesmo do atletismo nacional mas essas são contas para outros balanços. Neste 1 de Janeiro de 2015 queremos sobretudo dar conta do balanço global e, sobretudo, de apresentar os dados que confirmam o que afirmamos. Todas os registos de todos os atletas. Sim, porque nesta “alcateia”, todos os “lobos” contam e são valorizados desta forma. No ACP não há milagres, há trabalho diário. Feliz 2015 a todos. Vamos lá tentar repetir estes números no ano que hoje começa.