3 ACPês na Maratona do Porto

ACP na Maratona do Porto 2013
ACP na Maratona do Porto 2013

Há quem a considere a melhor Maratona de Portugal e na presente época vai ser mesmo Campeonato de Portugal da FPA, embora anunciado tardiamente e num período charneira de refiliações o que fará com que, ao invés dos últimos anos, nele não participemos. Mas se os nossos 3 atletas inscritos não vão contar para o Campeonato vão contar para o que mais interessa, a participação na Maratona do Porto ela própria. Vítor Cordeiro (dorsal 2692) regressa a uma cidade e a uma prova onde já foi feliz e, embora virado agora, prestes a completar 50 anos, para o trail running, é com muita expectativa que aguardamos a sua classificação na invicta. Será que ainda vai dar para o top 100 absoluto? Vítor Cordeiro será acompanhado por outro dos mais regulares maratonistas do clube, Rui Monteiro (dorsal 1426), que conseguiu realizar uma adequada preparação, sem percalços, e obteve duas boas prestações, para o seu nível competitivo, nas recentes Meia de Elvas e 20 Km de Almeirim e vai partir com as 3 h 15 m como objectivo maior. Menos sorte na preparação teve Chuva Vasco (dorsal 1208) que se lesionou recentemente e não decidiu ainda alinhar. Na prova mais curta (16 Km) inscreveu-se também Teresa Rocha. Aos lobos que vão tentar mais 3 resultados ACP na mais mítica das especialidades desportivas desejamos a melhor sorte.

Trail do Magusto em São Julião/Serra Fria

ACP/UTSM trail running CAMPs começam no domingo
ACP/UTSM trail running CAMPs começam no domingo

No próximo domingo, 3 de novembro, com início marcado para as 9 h junto à Igreja de São Julião, realiza-se o Trail do Magusto, um free trail (corrida em grupo com guias, não competitiva) centrado na Serra Fria pelos novos trilhos do UTSM. Serão cerca de 20 Km, 3 h a 4 h de grande convívio e comunhão com a natureza em autonomia completa. Termina com um magusto bem enquadrado no espírito da época. Se se sente atraído por este tipo de experiências e com capacidade física para as enfrentar adira aqui ao evento e saiba todos os pormenores da actividade inicial dos ACP/UTSM trail running CAMPs.

5 na 1:20 > 1:25 nos 20 Km de Almeirim

Emílio Paulino - Maior que a sombra em Almeirim
Emílio Paulino – Maior que a sombra em Almeirim

Emílio Paulino (AC Portalegre / UTSM) foi hoje o mais rápido atleta do ACP a completar os célebres 20 Km de Almeirim, cuja a 27ª edição classificou 1034 atletas. Integrou o top 100 e o top 10 do seu escalão M50. Vejamos as classificações e os resultados de todos os 6 lobos presentes:

1º Hermano Ferreira (Conforlimpa)  1 h 02 m 27 s

94º Emílio Paulino (AC Portalegre / UTSM) 1 h 20 m 25 s

112º João Nunes (AC Portalegre / UTSM) 1 h 21 m 33 s

146º João Farinha (AC Portalegre / UTSM) 1 h 23 m 26 s

164º Bruno Carrilho (AC Portalegre / UTSM) 1 h 24 m 12 s

178º Rui Monteiro (AC Portalegre / UTSM) 1 h 25 m 05 s

701º Ângela Mendes (AC Portalegre / UTSM) 1 h 44 m 34 s – 35ª F/119

1034º Mário Pires (Ind.) 2 h 41 m 18 s

Por equipas – pontuação de 4 concorrentes – fomos 22º entre 70 classificadas.

Resultados completos.

ACP / UTSM trail running CAMPS

ACP: 100% trail, 100% running, 100% empenho
ACP: 100% trail, 100% running, 100% empenho

A ideia é tornar o ACP, o UTSM, Portalegre e todo o Alto Alentejo naquilo que, no fundo, já são: um centro de referência de divulgação do desporto que vem apaixonando milhares em todo o mundo, o trail running. Correr por trilhos ou, como por brincadeira e em bom alentejano costumamos dizer, por veredas, formando e construindo conhecimento de tudo o que lhe está associado, desde os aspectos técnicos da sua prática e organização, passando pela questão da preservação do ambiente e da sua prática solidária e convivial são objectivos que estão na base na evolução do conceito que já concretizámos em 17 ocasiões  nos últimos 2 anos. Para além da organização de um dos eventos de referência do panorama ibérico, o UTSM – Ultra Trail da Serra de São Mamede, que na sua 3ª edição, em 17 de maio de 2014, será Campeonato de Portugal de Ultra Trail, o ACP já organizou 12 sessões públicas denominadas “on the trail to UTSM” e 5 “ACP trail running ON Verão”. Tudo começou em 2 de  janeiro de 2012 com o primeiro “on the road to UTSM”, o primeiro evento que tornámos público e permitimos a participação de corredores não pertencentes ao clube. Começámos uma dezena, ainda mal refeitos dessa passagem de ano, mas o número de  adesões ao movimento não pára de crescer desde então. Com o CAMPs queremos continuar a liderar o processo. Sonhamos, vivemos e trabalhamos o movimento da corrida todos os dias e divertimo-nos tanto a fazê-lo que obviamente tudo faremos para continuar a injectar-lhe vitalidade. Fique atento às nossas propostas.

FDS 43: 20 Km de Almeirim

6 lobos correm no domingo em Almeirim
6 lobos correm no domingo em Almeirim

Serão 6 os lobos presentes numa das mais tradicionais provas de estrada do país. Domingo, a partir das 10 h, 20 Km “planinhos” e a tradicional sopa da pedra motivam atletas e famílias. Estarão presentes: Ângela Mendes, Bruno Carrilho, Emílio Paulino, João Farinha,  João Nunes e Rui Monteiro. A todos boa prova e boa digestão.

Site do evento.

Vitória na 25ª Meia Maratona Badajoz > Elvas

Lobos venceram colectivamente a Badajoz > Elvas
Lobos venceram colectivamente a Badajoz > Elvas

Não são todas as organizações que se podem orgulhar de manter uma organização 25 anos seguidos mas o Município de Elvas pode ufanar-se do feito, já que realizou de novo, ontem, a 25ª Meia Maratona Internacional Badajoz > ELvas, famosa pela dificuldade da famosa “subida do paga pouco”. Também não são todos os clubes que se podem orgulhar do palmarés que o Atletismo Clube de Portalegre lá possui e ontem escrevemos mais uma página dessa brilhante história. Avassaladora vitória colectiva e 4 pódios individuais, mais 4 posições no top 10. Destaque principal para Bruno Paixão, que trabalha connosco desde o início da sua carreira, já lá vão 15 anos, que esteve isolado no comando da corrida e só veio a ceder a vitória nos metros finais para o atleta de Celorico da Beira Paulo Gomes, um dos melhores fundistas nacionais dos últimos anos. Sem adjectivos também a prestação de Vítor Cordeiro, prestes a completar 50 anos e que ainda foi o 4º absoluto.

Vejamos a prestação de todos os lobos:

1º Paulo Gomes (CHAB) 1 h 09 m 47 s

Bruno Paixão (AC Portalegre / UTSM) 1 h 10 m 14 s – 1º M20

Vítor Cordeiro (AC Portalegre / UTSM) 1 h 16 m 30 s – 1º M45

10º  Luís Semedo (AC Portalegre / UTSM) 1 h 18 m 53 s – 2º M20

16º Roberto Tomé (AC Portalegre / UTSM) 1 h 24 m 29 s – 6º M20

27º Francisco Costa (AC Portalegre / UTSM) 1 h 27 m 52 s – 5º M40

35º João Nunes (AC Portalegre / UTSM) 1 h 30 m 06 s – 9º M20

39º Emílio Paulino (AC Portalegre / UTSM) 1 h 30 m 47 s – 3º M50

56º Rui Monteiro (AC Portalegre / UTSM) 1 h 35 m 14 s – 7º M45

81º Vitorina Mourato (AC Portalegre / UTSM) 1 h 41 m 20 s – 3ª F45 – 7ª F

205º Juan Real (APAVR) 2 h 28 m 13 s

Equipas:

1º AC Portalegre / UTSM 16 pts

2ª AAC Badajoz 40 pts

3ª  CE Natação 48 pts

Resultados completos

Fotos

10 Km LISBOA NIGHT RUN – 19-10:

Estreia de mais um atleta de pelotão pela alcateia tendo conseguido, entre 5000 corredores, o

503º  João Pereira (AC Portalegre / UTSM) 49 m 54 s

61 Km TRAIL TURDETANIA – SEVILHA – 20-10:

Mais uma excelente participação de Fernando Alvez Barrero numa organização do clube hermano Pretorianos de Tomares tendo conseguido entre 335 corredores que terminaram a dura prova o

60º Fernando Alvez Barrero (AC Portalegre / UTSM) 6 h 44 m 37 s.

A todos os que, mais depressa ou mais devagar, honraram neste FDS a alcateia ACP, os nossos parabéns!

Hélder Melo e Carla Carloto superaram a Lousã

Hélder Melo
Hélder Melo

Hélder Melo (AC Portalegre / UTSM) terminou o UTAX – Ultra Trail Aldeias do Xisto em 72º lugar gastando 11 h 31 m 30 s a concluir os cerca de 75 Km D+3000 m, menos que os 88 Km anunciados. Carla Carloto (AC Portalegre / UTSM) alcançou o 199º lugar da geral e 15ª feminina nos 42 Km do Trail Serra da Lousã, a distância mais curta do evento organizado no âmbito do AXTrail Series. Ambas as distâncias eram record para o casal de enfermeiros nortenhos radicados há vários anos em Portalegre e que são dos nossos mais entusiásticos representantes e foram superados numa serra em que a tecnicidade e os desníveis são sobejamente conhecidos.

Resultados.

Quem quiser ser lobo … veste-lhe a pele!

Trail, Estrada, Pista, Recreação: no ACP há lugar para todos!
Trail, Estrada, Pista, Recreação: no ACP há lugar para todos!

Estamos em plena época de mudanças e, uma vez mais, comunicamos que as portas do ACP estão sempre abertas. Quem quiser ser lobo terá que vestir-lhe a pele. Para pertencer ao ACP basta gostar de correr. Não é necessário ser um grande atleta e nem sequer é necessário ser muito participativo em competições. Desde que sinta o nosso espírito, corrida pela corrida e primazia à diversão basta contactar-nos no estádio dos Assentos todos os dias úteis pelas 18 h ou pelo email acportalegre@gmail.com. O princípio básico de funcionamento é o assumir de todas as despesas que a prática acarreta mas os esquemas de apoio e de partilha que temos em funcionamento fazem com que pertencer ao ACP se revele também uma maneira mais económica de praticar o desporto que o apaixona. A única despesa obrigatória é a quota anual (6 €). Depois se se filiar na FPA ou na ATRP terá que despender mais 24 € (exames médicos e seguros obrigatórios por lei) ou mais 34 € se optar por se filiar em ambas, o que é facultativo. A famosa camisola lobo que nos identificará em 2014 em todos os eventos custa a módica quantia de 10 € e é a pele que mostra a todos que também é lobo. Caso tenha sido filiado na FPA por outro clube nos últimos 2 anos terá que tratar de tudo até ao final do mês (dia 30), final do período oficial de transferências. Junte-se a uma das melhores equipas portuguesas de corrida, sobretudo se é oriundo ou reside no Alto Alentejo.

A camisola ACP para 2014
A camisola ACP para 2014